Dicas para editar o seu texto

 

Primeira etapa: ESCREVA livremente

A técnica da escrita livre é muito simples, mas isso não quer dizer que seja tão fácil. Muitas pessoas comentam que sentem um grande bloqueio para escrever. A técnica da escrita livre pode ajudar a remover este bloqueio. Para quem deseja escrever livremente é essencial PRATICAR: “exercitar o músculo da escrita”. Mas não se preocupe neste momento com a qualidade do texto. Foque no ato de escrever como um prazer em si mesmo.Lembre-se de escrever espontaneamente, sem medo de errar. Deixe o seu crítico interno de lado. Escreva com a alma, com o corpo, e com o coração. Escreva em conexão profunda consigo mesmo. Escreva sobre um assunto que você adora. Escreva com prazer, dedicação e propósito.

Segunda etapa: EDITE o que você escreveu

É importante deixar um intervalo de tempo entre a escrita e a edição. Após escrever, deixe o seu texto “descansar” por algumas horas ou dias. Quando retomar a leitura, você terá uma visão mais objetiva e imparcial para analisar a sua produção textual. Este distanciamento é importante para esta fase da edição. A edição é o “acabamento final”. Respeite a riqueza criativa espontânea produzida pelo seu hemisfério cerebral direito e abrace com a organização do seu hemisfério cerebral esquerdo.

Seis dicas úteis para a edição do seu texto:

1.   Imagine quem será o seu leitor: Para quem você escreve? Quando você for compartilhar seus escritos, tenha consciência para quem você escreve. Comunique-se conforme as características do seu público alvo.
2.  Prefira frases curtas: Frases muito longas podem gerar confusão. Frases curtas podem trazer mais clareza e objetividade para o seu texto.
3.  Evite repetir palavras: Não é uma regra, pois algumas vezes a repetição é interessante. Contudo, preferir os sinônimos das palavras pode trazer mais riqueza e leveza para a sua produção textual.
4.    Leia muito: Quanto mais você ler, melhor você vai escrever! Quantos livros você tem lido por mês? Quais são as suas leituras favoritas? Leia jornais, revistas, livros, poesias, contos, e tudo mais que fizer os seus olhos brilharem!
5.    Leia em voz alta: Uma boa dica para editar o seu texto é ler o que você produziu em voz alta. Assim poderá observar a clareza, a coerência, as pausas e o ritmo do seu texto.
6.    Peça que leiam o seu texto[2]: Antes de publicar, dê o seu texto para alguém de confiança ler. Assim você terá a percepção do seu leitor, quanto à clareza da mensagem que você escreveu. Em alguns casos, por exemplo, se for publicar um artigo ou livro, é importante passar pela edição e revisão de um profissional.

Gabriele Ribas
cadernodagabi@gmail.com
Psicoterapeuta Transpessoal, Coach e Arteterapeuta

[1] No ESCREVA-SE praticamos diversas técnicas de escrita criativa e terapêutica que podem despertar o seu fluxo criativo para uma escrita autêntica e espontânea.

[2] No ESCREVA-SE desenvolvemos um laboratório criativo que permite que você compartilhe os seus escritos com um grupo exclusivo, fortalecendo a sua confiança, caso queira ampliar os seus leitores.

1 comentário

  • Simplesmente adorei!
    Há tempos preciso ter coragem para expor o que penso e sinto. Já fiz um livrinho infantil sobre adoção e não tive coragem de levar o projeto adiante.
    Hoje lendo seu site, que uma amiga me indicou, senti que pode ser o momento da virada. Não só a virada de ano, mas de atitude e concretização de uma grande vontade há muito adormecida: Escrever!
    Muito obrigada Gabi pela tua coragem, pois através dela dissemina vontades, alegrias e realizações para aqueles que te leem.
    Um beijo e muita LUZ

Tem algo a dizer? Deixe seu comentário